13 dezembro 2013

Resenha O escolhido legado



Resenha O escolhido Legado
A história em si, é incrível. 
Estou muito feliz, por estar trazendo para vocês mais uma resenha, e também pelo sucesso do blog, espero que a cada dia nos possamos crescer mais, levar a nossa querida literatura a muitas outras pessoas.É uma honra ter mais esse livro na minha estante e esse autografo. 

Resenha O escolhido Legado
Editora: Dracaena
Ano: 2012
Paginas: 302
Autora: Juliana Walker
Avan entrara em uma era de terror novamente.
Inocentes perderam suas vidas.
Das sombras o mal renascera novamente.
Aqueles que juntos nasceram, separados
Estarão, mas nunca tão fortes.
Um será escolhido para destruir outros para salvar.
Pelas mãos de seu irmão ele perecerá.
O escolhido destruído há de ser, ou as trevas em Avan voltará.
 
Confesso que essa é uma resenha muito difícil de fazer, por diversos motivos. Mas vou usar de toda a minha sinceridade.
Oke e Neo, foram criados em duas famílias muito diferentes. Ike, por um ao pobre mas muito amoroso, ele cresceu como um rapaz dócil e muito gentil. Neo foi criado em uma família de bandidos, mal caratês, mas ele não tinha alma de bandido, assim ele acaba renegando a sua família adotiva e fugindo para o reino de Avan. Ike após perder seu pai adotivo também vai para o reino de Avan. Lá ele até se apaixona, por uma antiga paixão, Neo o bandido se torna um bom guerreiro, e os dois rapazes que nada valiam e eram considerados apenas dois meros guarda costas acabam se tornando heróis.
Mas e quem disse que a história acaba por ai, é nessa parte que as coisas começam a pegar fogo, e quando falo pegar fogo no que diz respeito a está história eu digo pegar fogo literalmente.
A história é cercada por grandes mistérios, e aventuras, Avan é um mundo completamente diferente de muitas coisas que nos já vimos um mundo onde os Fays, tentam proteger os humanos dos destruidores.
São tantas descobertas, tantas mascaras caem, o inimigo vem de onde menos esperamos. A morte chegará para um dos irmãos, depois de tantos anos separados.
Sinto ter que dizer isso, mas como eu preciso ser sincera tanto com meus leitores, quanto com a amiga, escritora e parceira Juliana eu tenho que falar que a grafia e a ortografia desse livro me decepcionaram muito, muito mesmo.
Tenho que admitir que a única coisa que me impediu de largar esse livro foi a história porque como eu disse ela é incrivelmente boa. E se tem uma coisa que eu preso muito nos bons livros é a escrita, mas essa história muito me fascinou. No desenrolar da história as revelações que são feitas tornam-se tão surpreendentes, que me deixaram morrendo de curiosidade para saber o final, então eu tentei deixar o fato da ortografia ficar de lado pela primeira vez na vida para poder saber tudo o que aconteceria.
Eu acho que a autora só precisa estudar mais a língua portuguesa, porque imaginação de um grande escritor ela tem. Só falta um pouco mais de conhecimento.
E acreditem se quiserem, mas eu chorei, sim de verdade. Sinceramente.
O final do livro me arrancou lágrimas e suspiros, deixando-me completamente extasiada.
Nunca pensei que diria isso na minha vida, mas quem tiver interesse de ler o livro, tentem deixar passar de lado alguns erros, mesmo que seja difícil, porque para mim foi. E leiam pela história em si, porque vale a pena.
É isso, desejo a todos uma boa viajem por Avan.
Abraços, boa leitura!!!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Diga o que acha, e ajude a transformar o blog a cada dia.